A depilação a laser é um tratamento que tanto homens e mulheres tem buscado para acabar de vez com os pelos indesejados. Realmente ela é uma ótima opção, descubra agora todos os detalhes que precisa saber sobre essa técnica.

 

1) VOCÊ TEM MEDO DE LASER?

Essa depilação faz uso de uma técnica que promete remover de forma progressiva os pelos, e isso é feito através de energia luminosa do laser.

Em 1970 surgiram os primeiros aparelhos de depilação a laser, porém não eram tão eficazes, além de serem muito dolorosos e limitados.

Já em 1983 introduziram o conceito de fototermólise seletiva, e isso elevou o nível de eficácia do laser, diminuindo a dor durante o processo.

A depilação a laser também é chamada de “depilação definitiva”, mas essa informação não está correta.

Porque nenhum método pode ser considerado definitivo, pois os pelos se regeneram e podem voltar a crescer.

Sendo assim podemos chamar de depilação a longo prazo.

 

SEUS PELOS SÃO CLAROS OU RUIVOS?

Qualquer pessoa que se incomode com seus pelos podem fazer a depilação a laser. Mas em alguns casos devem ser considerados com mais atenção.

Por exemplo, pessoas com problemas de foliculite (pelo encravado), tanto na virilha, como axila e rosto. Porque podem ficar com manchas na região, então no caso delas, existem indicações especiais.

Pessoas que possuem a pele branca com pelos escuros e grossos respondem melhor a essa técnica, mas não quer dizer que outros não podem fazer.

Com o avanço das tecnologias, mesmo as pessoas, com tom de pele mais escuro, como as morenas e negras podem fazer a depilação a laser.

Inclusive nessas situações os dermatologistas indicam o uso de lasers Diodo e ND YAG e com pulso longo.

Somente nos casos de pessoas que tenham fios claros como brancos, loiros ou ruivos, que o tratamento não é tão eficaz, devido elas não terem uma grande quantidade de melanina.

Mas não quer dizer que não funcione, e sim que elas tenham que fazer mais sessões para garantir resultados.

Grávidas não podem fazer a depilação a laser, quanto a elas não há exceção.

 

VOCÊ É EXTREMAMENTE SENSÍVEL A DOR?

Todo o procedimento dessa técnica é realizado com um aparelho emissor de laser. E ele é imposto sobre os pelos que irão ser retirados.

Essa técnica funciona porque a melanina é o alvo. É ela quem é responsável pela coloração e haste do pelo.

E na depilação a laser ela é danificada por assim dizer, um dano térmico mínimo é causado no tecido.

Para aquelas pessoas que são mais sensíveis a dor, são utilizados anestésicos.

O processo funciona exatamente da seguinte maneira, quando o pulso de laser é disparado, a melanina absorve os fótons de energia. Esse calor absorvido e liberado pelo bulbo e pela haste do pelo, e isso causa a destruição térmica das estruturas do pelo.

Você deve saber que a depilação costuma ser dolorosa, porém conforme já mencionamos podem ser usados anestésicos e jatos de ar frio aliviando assim a dor.

E já existem aparelhos que apresentam um baixo nível de dor, que se torna suportável.

 

VOCÊ É DAQUELE TIPO DE PESSOA QUE NÃO AGUENTA FICAR SEM TOMAR SOL?

  • Alguns cuidados devem ser tomados tanto antes como depois da depilação a laser, veja a seguir quais são eles:

    Cuidados pré- depilação a laser

    – A pessoa deve evitar tomar sol.

    – Ela não pode ter feito a retirada dos pelos por meio de cera ou pinça, a pelo menos um mês antes do tratamento.

    – Antes da sessão os fios irão ser retirados com lâmina de barbear, então não se preocupe com isso.

    – Siga todos os passos sem exceção.

    Cuidados pós depilação a laser

    – Quem se submeteu a esse procedimento não deve tomar sol sem proteção solar com FPS de no mínimo 30.

    – Deve-se seguir todas as orientações do médico;

    – É recomendado o uso de loções calmantes tanto após o processo como durante a recuperação.

    Observações importantes

    Pessoas que tenham uma infecção ativa na pele, não devem fazer a depilação a laser.

    E caso aconteça de haver crescimento dos pelos de maneira repentina é necessário fazer um exame hormonal para investigar a causa.

    VOCÊ É DO TIPO IMPACIENTE?

    O tratamento dura em média 6 sessões, e conforme elas vão sendo feitas, muitos folículos pilosos vão sendo destruídos por completo.

    Outros folículos são danificados e podem voltar a crescer, mas a cada nova sessão a quantidade de pelos vai diminuindo.

    O esperado é que após as 6 sessões restem pouquíssimos pelos na área.

    É aconselhado que entre as sessões deva ter um espaço de tempo de 30 a 45 dias.

    E que o paciente faça de três a quatro sessões para manutenção após um ano, mas isso pode mudar de uma pessoa para outra.

    Os resultados podem ser vistos logo a partir da primeira sessão, e os lugares que respondem melhor são: virilha, axila, barba e perna.

    Nas áreas onde os pelos são muito finos como no caso do buço, e espessuras maiores como no do dorso masculino, os efeitos se perdem rápido.

    Porque fios finos acabam não atraindo muita energia, e a espessura dificulta a passagem do laser.

     

  • Gostou de saber mais sobre a depilação a laser? Agende agora uma avaliação personalizada e ganhe uma sessão de depilação a laser em área pequena. CLIQUE AQUI 

WhatsApp Bonapele
Enviar WhatsApp